Prazer. Sou o Eduardo.

Nada melhor que um post me apresentando. Afinal, iremos construir aqui ideias juntos, então começaremos essa nossa relação sabendo quem somos.


1993 - 1 ano e meio

Me chamo Eduardo Gonçalves, tudo bom? Até agora com 27 anos. Sou natural de uma cidade que eu sinceramente amo, Recife-PE. Mas, tive de dar um tempo das metrópoles, ainda mesmo na infância, para começar de fato a vida em uma cidade do interior do meu estado, chamada Limoeiro.


Ahhh era uma cidade bem pequena, mas acolhedora. Ás vezes me sentia no fim do mundo, ás vezes me sentia seguro e confortável. Sei lá, gostava de viver ali. Mas desde criança, sempre quis ser a estrela diva pop do momento, então já sabia que aquilo tudo logo logo se tornaria pequeno, e olha só .... nem demorou tanto assim para isso acontecer.



1999 - 7 anos

Aos 14 aninhos, vivendo aquela fase de querer jogar uma bomba no mundo e na tentativa de mudança de vida, eu e minha mãe, que desde então sempre fomos a única família um do outro, nos deslocamos para uma cidade próxima a Recife, Paulista. Foi uma tentativa rápida e objetiva de ter um recomeço, mediante tantas coisas, boas e ruins, que já tinham acontecido.


“Tiro e Queda” como dizem. Fiz minhas primeiras amizades de vida, comecei a estruturar minha vida, ingressei em boas escolas, reprovei um ano escolar, fui estudar em escola pública. Amei, tive meu primeiro beijo, briguei, sai, viajei... comecei a viver.


Das indas e vindas da vida, aprendi sozinho que parar e chorar apenas atrasa os sonhos. Enfim... aos poucos fui me tornando uma pessoa que ao meu ver, é o que eu sempre quis. Mas calma, faltava o principal; Um amor? Não, nunca tive sorte. Mas uma formação acadêmica digna. Daí fui de Recursos Humanos, para jornalismo e letras . Uau! concentrava minhas emoções em estudos, e enquanto minha mãe dizia para prosseguir e não parar, aí que eu continuava. Trabalhei em lugares incríveis , mas em outros que na segunda-feira eu já contava as horas para chegar sexta a noite .


Batalhei viu. Comecei a ter minhas coisas, e depois nossas coisas, se tratando de uma família .


Aí te pergunto meu leitor lindo... ESTAVA FELIZ?

Qual a resposta? - É, NÃO!


Queria ser o que de fato já havia lutado para tentar ser. Investi em negócios , estudei mais, chorei um pouco mais, fui dormir muitas vezes estressado. E tudo isso para me tornar a segunda parte do meu "EU" que faltava acordar dentro de mim: EDU GONÇALVES.


2019 - 27 anos

Minha mãe diz que eu não nasci, estreei. Então faço jus á isso. Estou na verdade estreando. E o andar de tudo isso, você me acompanha agora.


Aceita um café? A viajem vai ser longa.